30 de agosto de 2011

'Cabeça Negra' - uma mistura de Itália com Cabo Verde na música

Jerussa Barros
Com seu primeiro álbum, “Cabeça Negra”, Jerussa procura a fusão entre os sons crioulos e italianos para criar uma música com identidade própria que ela própria tem dificuldades em definir
.
Na sua passagem por Cabo Verde,
conversei com Jerusa Barros , onde falou do seu CD e dos novos projectos onde se incluem a gravação de uma versão italiana de “Lua”, juntamente com Princezito.

Cabo-verdiana a viver na Itália, recentemente esteve no País em concerto e promoção do seu primeiro álbum, “Cabeça Negra”, onde mistura ritmos crioulos e italianos com um gostinho de jazz.

Fazendo uso da sua formação em canto, Jerussa procura incorporar o jazz na música cabo-verdiana tendo começado em 2001 com o projecto “Cabeça Negra”, com cinco músicas originais. Depois de três meses de arranjos e gravação, o CD foi lançado em 2009, na Itália.

“São várias misturas de músicas crioulas cantadas em italiano”, conta Jerussa, que sente dificuldades em definir o seu trabalho. “É um projecto que tem identidade própria, com as suas várias misturas”, acaba por consentir uma tentativa de descrição.






DA ILHA DO SAL

Jerussa partiu da ilha do Sal com cinco anos para Itália, onde aprendeu música e, foi, através dela, que diz ter aprendido a falar crioulo. “Sempre cantei jazz, blues, gospel, mas senti necessidade de voltar às raízes e, por isso, comecei a interpretar músicas tradicionais de Cabo Verde. Iniciei por temas já cantados por cantores que admiro, Cesária Évora, Ildo Lobo ou Lura, mas depois decidi partir num antigo projecto de escrever minha própria música”, revela Jerusa.

Desta forma, nasceu o “Cabeça Negra”, grupo que produziria o álbum do mesmo nome, sendo todos os músicos de origem italiana, excepção feita a Jerussa, que justifica: “Os músicos italianos têm uma boa abertura para a música crioula. Por outro lado, não consegui encontrar artistas cabo-verdianos na Itália que encarassem a música como um trabalho e não como passatempo”.

As seis faixas que compõem o álbum são quase todas de Jerussa, excepto a faixa número seis, criação de Mário Lúcio. A sua tradução ficou a cargo de Alberto Zeppieri, que tem feito um grande trabalho na Itália na promoção da música e dos artistas crioulos. Para além de Jerussa, Zeppieri também já trabalhou com Lura e Solange Cesarovna.


REACÇÕES DÍSPARES

“Neste momento, estou preparando uma proposta de colaboração com Princezito onde iremos cantar sua música, ‘Lua’, em italiano”, avança a cantora, que fala também da sua vontade de fazer duetos com Boy G Mendes, Sara Tavares ou Tito Paris.

Na Itália, Jerussa está em contacto permanente com a música, pois, trabalha no projecto “Casa da Música” onde ensina as crianças a criarem através desse tipo de arte. Acredita que as músicas são o reflexo do que ela mesma é: uma mistura de Itália e Cabo Verde.

“As reacções vão desde as pessoas que pensam que esta não é música cabo-verdiana às que afirmam que são sons crioulos com alguma coisa misturada”, afirma Jerussa, para quem, “o mais importante é que gostem”.

“Cabeça Negra” e Jerussa são, pois, dois nomes a reter e que o A NAÇÃO lança em primeira mão.


Publicada (também) no Jornal A NAÇÃO N.º 208


4 comentários:

Joaquim Saial disse...

A ver:

http://www.youtube.com/watch?v=QCpphUvtsv8

Braça,
Djack

daivarela disse...

'brigada Djack

braça.

daivarela disse...

Agora que vi o vídeo fiquei mais fã da Jerussa. Já tinha ouvido algumas faixas do "Cabeça Negra" e apreciado mas não como agora nesta actuação ao vivo. Gostei imenso da sua versão de 'Lua' apesar de que no início fiquei assim parado, quase assustado, porque pensei "epá... ela tá errando a música!" Mas não era nada disso, mas sim aquela pitada de jazz que ela resolveu incluir - diga-se, muito bem - na música crioula. E o eco no local do espectáculo em vez de atrapalhar, conseguiu dar um toque de coro que ficou sebim.

'brigada mais uma vez Djack, pelo video.

mrvadaz disse...

Dai,

Vi, simpatizei, gostei e tornei-me fã desta crioula e do seu estilo ;)

Thanks por esta divulgação!

Enviar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes