12 de junho de 2013

O que me faz diferente de ti


Muitas coisas influenciam a personalidade de uma pessoa. Na verdade, nós não “somos” uma pessoa mas “estamos” uma pessoa. Há dias que estamos uma pessoa motivada, triste, alegre, com vontade de perdoar, etc. 

Por isso não se pode dizer que uma pessoa é divertida, falsa, egoísta ou outra
Daivarela pensando...
característica qualquer. Dependendo de vários factores, assim uma pessoa irá se comportar num dado momento e dependendo das nossas expectativas e emoções, assim nós a iremos interpretar.

O que torna as pessoas diferentes umas das outras também são vários factores: desde a forma com a pessoa relaciona-se consigo própria, com os outros, com o meio que o envolve e até com o intangível. Quando nos entendemos de uma forma, muitas vezes usamos esta medida para dimensionar o outro. É a forma como nos compreendemos que nos faz pensar que uma outra pessoa é diferente. 

Mesmo fazendo parte do mesmo país, cidade, vila ou rua, da mesma cultura e identidade, nós sabemos que não somos iguais a outra pessoa. Isto porque as experiências de vida (mesmo que vividas em conjunto) são percepcionadas em diferentes graus, estados de espírito, expectativas e outros factores, moldando nosso “eu” e fazendo-nos pessoas diferentes.


7 comentários:

Anónimo disse...

Diz-se que uma das maiores ilusões é um ponto de vista fixo e, várias vezes nos deparamos com afirmações de pessoas em relação a outras por elas "estarem", confundindo que ela sejam esse "estar". Bela observação.

Zona libertada disse...

Brob man! Bem escrit

Adelina Medina disse...

GOSTEI COLEGA

Jailson Fortes disse...

Ya nhe amigao te produzi conhecimento. Gostei

Spencer Heider disse...

O interessante é que quanto mais nos debruçarmos sobre nós mesmos acabamos por perceber a diversidade de "EUS" que se manifestam consoante as circunstancias que nos envolvem tanto a nivel Interior como a nivel exterior. E nessa vâ tentativa de nos defenirmos acabamos por reconhecer a potencia e a insignificancia das coisas e por vezes dos pensamentos e atitudes que adotamos para com nos proprios e para com a vida (sendo imprescindivel reconhecer que a vida é o Eu esse indefenido que busca significancia) assim sendo que diz Eu sou, mesmo sem querer mente e induz ao erro quem o interpreta na indefinidade do eu que lhe escuta. O ser é instransmissivel mas felizmente pode ser partilhado, como quando se Ama uma Mulher por entre os Lençois.
Quanto mais o ser medita mais reconhece a importancia do Amor do Amar. Mas o que é esse Amor?
Esse Amai vos uns aos Outros...

Joaquim Neves disse...

ya...concoddo totalment!!!

Daniel Ernesto Aguiar disse...

Sou seguidor de um poeta a que por vezes chamo 'mestre online' nos meus comentários; A continuares assim podes bem vir a ser um 'prof online'. Cada vez mais a flexibilidade no raciocinio se torna importante.

Enviar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes