6 de dezembro de 2011

Mensagem dos criadores do Facebook para o povo de Cabo Verde

Antes de qualquer coisa gostaríamos de dar-vos os parabéns e dizer que vocês são um povo muito bonito, especialmente as meninas que gostam de se exibir em decotes minúsculos e fatos de banho molhados. 

Lá no escritório, na América, essas são as nossas fotos preferidas. O Mark, por exemplo, adora ver duas crioulas beijando-se nas fotos enquanto que o Eduardo (que é um bocado esquisito) já tem uma colecção de fotografias de crioulo beijando crioulo que cada dia aumenta mais para desespero de alguns colegas. 

Pelas nossas estatísticas, neste momento existe mais crioulo com conta na rede social do Facebook do que cortes de energia na cidade da Praia... num ano (cruzes, tantas contas de Facebook assim?). 


Como sabem, a rede é muito freqüentada por periguetes e políticos, sendo que esses últimos nem durantes as Sessões Parlamentares conseguem ficar sem actualizar os seus status com seus telemóveis de última geração. Sim... nós sabemos de tudo. 

Outra vez, fica aqui nosso agradecimento por terem conseguido materializar nossa intenção quando criamos o Facebook: fazer riola, chatear seus “amigos” e dar “gosto” em tudo que mexer. Apesar disso ainda estamos confusos para saber porquê que vocês dão “gosto” nesta frase: “estou triste porque meu cão morreu”. 

Infelizmente não há só coisas boa. Alguns elegeram o Facebook como o local perfeito para plagiar e ficam copiando e colando textos uns dos outros tornando-se, assim, a nacionalidade que menos conteúdo original produz na rede. Já temos uma lista das pessoas que só sabem fazer copiar/colar. Sempre que eles entram no perfil de outro utilizador dizemos logo: lá vai copiar outra vez. 




Engraçado é que muit@s crioul@s têm milhares de “amigos” mas na hora de tirar uma foto não têm nenhum amigo e são obrigados a fazer fotos à frente do espelho. Hoje sabemos que há criol@s que nem saem das suas zonas e que cumprimentam umas quatro pessoas por dia são capazes de ter cerca de dois mil “amigos”. Acho que a vossa vida social não é tão animada assim como querem fazer parecer. 

Também temos informação que vocês falam no chat com muitos “hahaha”, “lol” e quando encontram a pessoa na rua quase que não a cumprimentam. Isto só é vida social no vosso planeta! 

Sabemos que vocês falam também a língua caboverdeana e que a expressão mais usada pelos crioulos no Facebook é: “oi, manera? Tud dret?”, mas os vossos erros de português até que são um bocado exagerados, não concordam? 

Baseado nos dados que recolhemos da vossa utilização da nossa rede já estamos a preparar uma versão exclusiva para Cabo Verde. Irá chamar-se Riolabook e se tiveres interesse é só deixar um comentário aqui no blog do nosso amigo daivarela que abrimos a tua conta. 

Atenciosamente 
Os criadores do Facebook

8 comentários:

Anónimo disse...

Mensagem dos criadores do facebook para o povo do planeta queres tu dizer, porque tanto em cabo Verde como em outros países existem miúdas e miúdos a exibirem-se, a fofocarem e a chatearem os amigos. Tanto aqui como em qualquer outra parte do mundo, principalmente nesse qualquer outra parte do mundo existem milhares que nem vida social têm, nem um amigo real, só virtuais, cansei de ver reportagens sobre isso. Cabo Verde não tem nada de especial para se criar uma versão do facebook só para o país. Os cabo-verdianos utilizam-na como qualquer outro ser que o utiliza na face da terra, uns com mais riola, outros com menos, uns gostando de aparecer, outros nem por isso...uns que passam o dia em frente ao facebook e outros que às vezes até esquecem que criaram uma conta.

Arilizia Rodrigues disse...

Hahahaha. Essa ?? boa...

Maguy Gonçalves disse...

não há nenhuma grande descoberta...aquilo que acontece aqui acontece em qualquer lugar...n, n temos um lugar especial no facebook k mereça assim tanto

leticia disse...

sinceramente penso,que os amigos virtuais,son en muitos aspectos melhores do que a vida real,pode chegar a ser importante na tua vida,si voces ten os mesmos gostos,e a mesma forma de pensar..mesmo que un amigo virtual,nao pode darte un abraço cuando o precisas,pode darte palavras de animo,cuando estas hundido,para un amigo virtual,nao precisas estar perfeitamente vestido ne pintado,porque nao vai usar a radiografía analizándote de riba a baijo,con un amigo virtual nao vas ficar decepcionado porque ten 2 caras,con un amigo virtual ficas a vontade sen pensar vou-lhe gostar?(sen pensar,sou gord@,frac@,alt@,con espinos na cara,sen cabelho,en fin...)eres tu el@,sen esteriotipos,un amigo virtual pode chagar a ser un bom psicólogo.....Encuanto o que a gente coloca photos de si mesmo no espelho,é porque gosta muito de si mesmo,e isso baijo meu punto de vista nao ten nada de mal,si nao gostas de ti mesmo,quen vai gostar...isso que á gente que nao ten amigos reias,que ten so virtuais,acho que para nada é certo,o ser humano precisa ter contacto con otros semelhantes,isso é inevitavel...terá quen escolhe antes os virtuais que os reais,por as raçaons que ja espliquei...bjs SR.Daivarela.

daivarela disse...

Anónimo, já tens a tua conta garantido no novo facebook, hehehehhe. É só mandares umas fotos "de kel bom"

Arilizia Rodrigues, bijim

Maguy Gonçalves, você tb vai aderir ao novo Facebook?

leticia, olha que amigos reais são sempre melhores que os virtuais porque não precisas preocupar se há electricidade ou internet.
Gostei do "Sr. Daivarela", isso sim é respeito. hehehehhe

Abraço

Megs disse...

Acho que não é necessário, este aqui faz tudo direitinho, a não ser que aparece outra que a supere...a ver vamos

mrvadaz disse...

Dai,

Eu que já estava chateado com o Facebook, definitivamente, vou fech´-lo para dedicar ao Riolabook. Tem mais piada, morabeza e sabor da terra;)

"Muita boa" ;)

Abc

Anónimo disse...

Moss realmente bo eh mut brob man kre ser moda bo
hehe

Enviar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes