15 de dezembro de 2010

'Kriola Enkantu' é o álbum de estreia de Isa Pereira

Com o seu recém lançado álbum de estreia, Kriola EnKantu, Isa Pereira, inseriu seu nome no concorrido mercado discográfico. Fui conhecer essa mulher que se define como orgulhosamente caboverdeana e com uma forte paixão pela música.


Muito simpática, ela explicou-nos que o título do álbum deveu-se à sua vontade de espelhar a miscegenação de raças e povos que originou o Crioulo e ao seu encanto com tudo de bom que Cabo Verde tem conseguido.

"Segui meu instinto, uma voz interior, primeiro veio o título e só depois que avancei para o desenvolvimento do projecto", conta a cantora. A produção começaria em 2007 com a recolha e a entrega dos temas ao músico Hernâni Almeida e a entrada nos estúdios na Praia, em 2008, finalmente em março deste ano a masterização seria feita em Portugal.

Apesar de ter abraçado o desafio de cantar músicas de sua autoria no seu disco de estreia, Isa não se considera compositora. "É uma experiência sabi quando me ouço a cantar minhas próprias letras, têm um sabor especial", afirma.

Com um álbum composto por onze temas de ritmos variados, Pereira disse-nos que não quer colar à um estilo, "sinto cada estilo da música cabo-verdiana de maneira diferente". Por isso que para representar a ilha do Fogo chamou Djoy Amado, o jovem talento segundo ela, para compor a música "Bandera", para a "Benson" que representa o Maio, contou com a colaboração de Tibau e para o "Batuco de Santiago" teve o apoio de Princezito "que tem o batuko no sangue".

Para além dos nomes como Tcheka, Tiolino Évora entre outros, Isa Pereira diz ter feito questão de cantar a música "Xintado ta papia ku mar" da jovem poetisa Lay Lobo porque pensa que a nossa cultura está a atravessar uma fase muito saudável e que deve haver espaço para novos talentos.

Após o espectáculo de apresentação em São Vicente, a cantora diz ter ficado de alma cheia com a energia, "gostei de ter cantado em Mindelo por causa do calor humano e porque tive uma certa afinidade com o público. Espero voltar outras vezes".





Publicada (também) no Jornal Nha Terra Online

1 comentários:

Daniela Valente disse...

Sou portuguesa, mas estou há pouco tempo a estagiar em Cabo Verde. Fui assistir ao concerto de Isa Pereira na cidade do Mindelo, de modo a começar a conhecer melhor a cultura caboverdiana, e devo dizer que adorei! Eu não conhecia esta cantora, mas ela é fantástica. Fiquei fã! Tem uma energia, um poder de sedução imenso, uma garra espectacular em palco. E uma voz belíssima. Muitas vezes apetecia-me levantar e dançar nos ritmos mais alegres, e admito que, apesar de não entender ainda muito crioulo, me vieram lágrimas aos olhos durante a interpretação da Morna, pela beleza da melodia e da voz de Isa Pereira. Os meus parabéns, e assim que tiver oportunidade, não perderei outra concerto desta fabulosa cantora!

Enviar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | coupon codes